Novidades
Previous
Next

Com processo criterioso, 3º Prêmio Profissional Mérito ANEFAC, na categoria tributos por segmento, consagrou sete gestores  

Com a essência de reconhecer os melhores gestores tributários do Brasil, o 3º Prêmio Profissional Mérito ANEFAC, na categoria tributos por segmento, destacou: em Agronegócio, Alexandre Caratti, diretor global de Tributos e M&A na BRF em 2021 e atual diretor global de Tributos na Raízen;  em Energia, Edmilson Neves, gerente executivo de contabilidade e tributário na Petrobras; em indústria, Gustavo Weisheimer, diretor tributário na Dell; em Serviços Financeiros Banco, Reginaldo Ribeiro, diretor tributário no Banco Santander; em Serviços Financeiros Seguradora, Cinthia Possatto, gerente tributária na Porto; em tecnologia, Douglas Batista, gerente tributário na Totvs; e em varejo, Alessandra Vieira, diretora tributária na Via. Sendo a Alessandra eleita o destaque entre todos.  

A premiação aconteceu em São Paulo no dia 12 de dezembro. Ao falar sobre o processo de escolha, Roberto Fragoso, vice-presidente de tributos na ANEFAC, explicou que ser gestor tributário no Brasil não é uma tarefa fácil, pois são inúmeras as dificuldades internas, como com relação a margem, lucro, chefes, locais e internacionais. Além das dificuldades externas trazidas pelos poderes legislativos, executivos e judiciário.  

“Tudo isso obrigada os gestores tributários brasileiros a serem muito corajosos e, ao mesmo tempo, prudentes para tomarem as melhores decisões possíveis para os negócios, pois os efeitos serão duradores. Coragem é saber fazer, não é a audácia nem medo e prudência, é saber medir as consequências. Valores muitos difíceis, mas necessários para todos”, explicou Fragoso. 

Sobre os critérios para a escolha dos vencedores, o prêmio efetua avaliações tributárias que têm impacto nas decisões administrativas, operacionais e estratégicas do grupo ao qual atuam. Todos são verdadeiramente reconhecidos por estimular o “Great place to work”. A avaliação é baseada em um questionário com cinco pilares, que é respondido por executivos de várias empresas brasileiras até chegar aos finalistas que terão as melhores avaliações, a partir dessa lista que saem os vencedores. Entre os pilares, gestão de informações, mapeamento de riscos, geração de valor, gestão de pessoas e emprego de tecnologia.  

A avaliação foi estruturada de forma transparente e sigilosa, pois todos têm acesso aos quesitos. O critério é único e auditado por empresa independente reforçando a transparência do processo. A avaliação reflete tão somente o resultado de um ano de gestão.  

“Estou muito feliz e honrado. É uma grande responsabilidade ser executivo da área tributária na Petrobras. Nos últimos cinco anos, nós pagamos um trilhão de reais em tributos. Temos total consciência da importância da companhia para a sociedade e fazemos de tudo para fazer o certo o tempo todo. Agradeço todo o time da empresa pela confiança depositada e a todos os colegas que a cada dia dedicam seu tempo e se privam de estar com suas famílias para fazer tanto pelo país”, Edmilson Neves. 

“Em primeiro lugar, quero agradecer a ANEFAC pelo prêmio. Estou muito honrado. É um orgulho enorme estar junto com tanta gente qualificada. Se eu estou sendo premiado, com certeza é porque tem uma equipe por trás, que é fenomenal. Agradeço cada um que ajuda a gente a ter uma área que ajuda negócio, que consegue se comunicar bem. Esse prêmio coroa uma história de uns 20 anos na Dell, onde comecei em contabilidade. Depois fui para a área tributária e tive dois mentores que me ajudaram nesse processo todo”, Gustavo Weisheimer. 

“É um privilégio, uma honra poder participar desse prêmio. Esse reconhecimento é muito importante. Agradeço a alta direção do banco pelo apoio, pela confiança, pela liderança e a minha equipe, que me apoia em tudo. Como vocês sabem, o jurídico tributário brasileiro é um desafio e geralmente não favorece o ambiente de negócio, por isso nosso papel de gestor tributário é justamente esclarecer e tirar essas barreiras. Esse prêmio reconhece de alguma forma esse empenho, ajuda o profissional da área tributária, que faz muito no mundo dos negócios e auxilia o crescimento do país como um todo”, Reginaldo Ribeiro. 

“É um enorme prazer ser premiada. Agradeço a ANEFAC e a todos os envolvidos. Estou muito feliz, pois foi o meu primeiro ano como gerente executiva na Porto. Mas são mais de 20 anos na área tributária e 16 deles na seguradora. É um imenso reconhecimento nesse momento. Agradeço ao meu time e equipe, aos meus gestores e a todos que me fizeram chegar até aqui, inclusive minha família”, Cinthia Possatto. 

“Eu gostaria primeiramente de agradecer e parabenizar a ANEFAC pelo empenho que tem feito no reconhecimento dos profissionais de tributos. Sem dúvida nenhuma é essencial esse trabalho que está sendo feito. Gostaria de agradecer também a todos da empresa, que têm me dado a oportunidade de desenvolver o meu potencial já há três anos. Agradeço a minha esposa maravilhosa, que me deu três filhos lindos e que são a grande razão de tudo o que faço”, Douglas Batista.  

“Agradeço a ANEFAC por esse momento, essa oportunidade de vários profissionais estarem juntos. A gente vive num país que é desafiador na questão tributária. Garantir o dia a dia não é para todos, muita gente desiste. Muitas empresas estão indo embora e quem está ficando é porque realmente quer se estabelecer. Agradeço, principalmente a minha equipe, porque são eles todos os dias que fazem acontecer. Esse reconhecimento é importante porque a área de tributos dá jeito para tudo, a gente sempre faz do jeito certo, da forma certa e tem que ter sempre esse respaldo do negócio”, Alessandra Vieira. 

Na imagem da esquerda para a direita: Gustavo Weisheimer, Edmilson Neves, Alessandra Vieira, Cinthia Possatto, Reginaldo Ribeiro e Douglas Batista.

Confira as fotos do evento: https://www.anefac.org/fotos-merito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.